2005/11/30

Sou grato.... por Tudo... O que tenho!!!!

Com as palavras do título se iniciava um corinho de gratidão que durante muito tempo foi, com frequência, cantado em Portugal.

Ontem, toda a nossa família se regozijou ao receber a notícia que a nossa casa foi, finalmente, vendida!!!

Esta foi uma grande alegria para nós, sim vendemos, mas não foi uma perda, foi antes um reconhecimento que estamos nas mãos de Deus - e Ele cuidará do nosso futuro, certamente!

O processo parecia empancado, ainda na véspera telefonava para a Embaixada para saber do imposto de selo pago nas procurações. Mas ontem, Terça-Feira, quando tudo parecia já impossível para se concretizar naquele dia a Escritura - recebemos à noite a confirmação de que a casa estava finalmente vendida. GRAÇAS A DEUS!! Assim, pudemos libertar-nos de responsabilidades financeiras que ainda mantínhamos em Portugal devido ao empréstimo contraído na compra - Agora tudo está liquidado!

Agradecemos muito as orações de todos quantos se lembraram de nos apoiar neste momento. Deus nos escutou a todos e mais uma vez provou a Sua grande fidelidade para connosco. Agradecemos também à nossa prima, advogada, a Drª. Hermínia Gomes, que nos ajudou muito em todo este processo de venda.

Deus é FIEL!

2005/11/21

Porque a vida não é só pedir...

Queremos dar Graças a Deus pelas vossas orações para a nossa ida ao departamento de Imigrações.

Não foi tarefa fácil, e ainda vamos ter de voltar com um outro documento dentro de dez dias.

Mas... conseguimos o nosso certificado de residência temporária precária na Argentina. Este é o primeiro passo para a obtenção da residência. Esta foi uma vitória - e como tal, queremos celebrá-la convosco - nossos apoiantes.

Temos porém a renovação de um pedido anterior - temos uma nova data de Escritura marcada para dia 29/11 - por favor, orem para que tudo dê certo e desta vez, finalmente consigamos vender a casa.

Muito obrigado pelo vosso apoio.

2005/11/17

Motivo de Oração

Caros parceiros de oração. Amanhã estaremos indo ao departamento de emigrações mais uma vez para tentar iniciar o processo para a radicação aqui na Argentina.

Da primeira vez nos rejeitaram um documento e faltava um outro que ninguém nos tinha dito que precisávamos. - Claro que nestas coisas sempre há algo novo cada vez que se vai!

Mas amanhã é a nossa última oportunidade de fazer alguma coisa antes de termos de sair do país para ir ao Paraguay afim de renovarmos nosso visto turístico aqui.

Então por favor, orem para que amanhã tudo dê certo, e saiamos de lá com o nosso visto de residência precária - que é o primeiro passo visando a radicação.

As vossas orações são muito apreciadas.

2005/11/16

E para que o André não fique atrás...

Bem... O André não poderia ficar para trás, então aqui vão algumas fotos do seu aniversário no passado dia 13/10.




Fazendo a piñata cair....




2005/11/11

A pedido de várias famílias...

Bom... depois de receber alguns pedidos, achamos que é tempo de colocar em nosso site algumas fotos da família. Então aqui vai:





A Nicole no seu aniversário. É verdade, ela já está com 9 anos. Nesta festa foram celebrados os aniversários de duas Nicole(s).













São servidos....! ;-)











Esta era uma festa de disfarces, então.... claro.... todos estávamos vestidos a rigor!... Uns mais que outros.... :-D













Cá está o D. Juan da família. Toda a gente lhe gaba os olhos.... acho que vai haver muitos corações quebrados. Na guarderia, onde ele passa as manhãs, já tem duas irmãs concorrendo pela sua atenção...








A Nicole no seu melhor, de uniforme, preparando-se para sair para a escola!

2005/11/09

Aos nossos Intercessores...

Agradecemos toda a força que temos recebido de irmãos que nos têm assegurado de seu cuidado de oração por nós. Crêmos no poder da oração, por isso, queremos deixar dois motivos de oração:

  • Pelo desenrolar do processo de radicação na Argentina - nosso prazo para o visto turístico está chegando ao fim, e necessitamos de até dia 25/11 resolver nossa situação com o departamento de emigrações, e com a alfândega. Há alguns documentos que necessitamos e dos quais estamos dependentes para iniciar o processo. - isto é um assunto que está fora de nossas mãos, então só podemos realmente orar para que Deus agilize o processo.
  • Pelo processo da venda de nossa casa em Portugal. Desde Junho que estamos a tentar fazer com que o processo avance e se concretize, e até agora ainda nada. Ficamos sabendo que no dia 2/11 foi marcada a escritura, mas que só nesta altura foi detectada uma irregularidade com a procuração que deixamos para este fim. Resultado, tivemos que ir à embaixada (já contei sobre isto), fazer novas procurações - gastar mais dinheiro, para já não falar nos custos inerentes ao pedido de distrate do empréstimo. Os documentos serão enviados amanhã para Portugal. Por favor, orem por nós para que o Senhor agilize este processo - é algo que está criando alguma ansiedade tanto em nós como nos promitentes compradores.
Profundamente agradecemos o vosso apoio também neste aspecto.

Visitando terras lusitanas

Hoje precisamos de ir tratar de um documento na Embaixada de Portugal (terras lusitanas na Argentina - clara). Chegamos lá sem problemas de maior, graças ao bom mapa que temos da região. E chegamos já com alguma ansiedade por ouvir a famosa língua de camões. Qual não foi o nosso espanto logo ao sermos atendidos pelo segurança, ouvimos, não o tão desejado Português, mas o castelhês. Nós os Portugueses em terras hispânicas, lá vamos arranhando o Portunhol. Mas, nesta embaixada, ou que ouvimos foi um Castelhano arranhando o Português - daí o castelhês.

Mas, mais nos surpreendeu, o facto de que até os próprios funcionários não falavam a pura língua de camões, mas mais um castelheseiro.... ou seja, uma mistura de castelhano com Português, com sotaque do Brasil. Onde é que afinal estão os Portugueses nesta nossa querida embaixada??? Ficámos por descobrir... talvez da próxima vez tenhamos mais sorte...!

Mas tratamos de tudo o que precisávamos, excepto da inscrição da Nicole, visto que ela estava na escola, e ela precisava "assinar" os seus papeis. Claro está, isto foi algo que deixou a liliana "passada dos carretos", pois ninguém nos tinha dito que era necessário ela estar presente, e afinal, ela só tem 9 anos. Bem... lá tentei pôr alguns "paninhos quentes", mas não sei se resultou...

O resultado final, no entanto, será que teremos de fazer mais uma visita a este famoso lugar para todos que são de origens Lusitanas como nós!